Contradições

Transcreve-se na íntegra, sem comentários, o artigo do POVO, com igual título, da autoria de Pedro Aguiar Pinto

O nosso tempo parece aceitar sem ripostar imensas contradições como se nem sequer delas se desse conta.

É preciso, por isso, chamar a atenção para aquilo que, de tão absurdo, deveria ser imediatamente recusado. A passividade geral não só propicia que isso não aconteça como cria um clima de correcção política onde germina uma certa complacência e mesmo concordância.

É o caso da Petição pela abolição das touradas que falaciosamente usa argumentos cristãos e coloca os touros em pé de quase igualdade com os seres humanos atribuindo-lhes direitos e protecção que o Estado português hoje nega à criança por nascer.

É também o caso do amor abstracto à humanidade que é, pelo menos cúmplice com a indiferença a que é votado o vizinho próximo. Esta é a contradição que nos julga a nós, embora, Henrique Raposo escolha como exemplo a contradição entre o amor à humanidade e a defesa da morte de deficientes profundos.

A petição que é preciso apoiar assinando e divulgando é a que realmente defende o nosso Futuro

Imagem do Google

This entry was posted in Uncategorized and tagged . Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s