Há muita gente que aceita tudo, com acomodação ao fado, ao destino, e é frequente ouvir-se «pode ser que não seja nada e se for então se vê». Daí não se ter consciência da necessidade de segurança, da prevenção, de evitar os riscos desnecessários mas, pelo contrário sujeitar-se aos acidentes que causam perdas de vidas em casa, no trabalho e nas estradas.

Em vários aspectos das vidas privadas e das sociedades podem e devem ser evitadas situações graves e pode tornar-se menos grave o efeito de crises. De pouco vale denunciar as causas e acusar os causadores, chorando sobre o leite derramado se não forem retiradas lições para melhorar comportamentos futuros de precaução, prevenção e eficiência.

A Wikipédia diz o seguinte sobre o fatalismo: «Em Filosofia, o fatalismo é a concepção que considera serem o mundo e os acontecimentos produzidos de modo irrevogável. E também a crença de que uma ordem cósmica, dita Logos, preside a vida cotidiana. Mas, em geral, é uma corrente aceita por quem toma de modo passivo os eventos, não tendo a crença de que pode exercer um papel na sua modificação.»

E entretanto, surgem duas notícias, ambas, com interesse, citando o mesmo político, a referir o determinismo que tolhe pessoas que deviam tomar decisões bem preparadas mas que, por se mostrarem crentes no «inevitável», nem sempre definem claramente prioridades e estratégias adequadas. Numa das notícias defende necessidade de desmontar a ideia de que “é tudo inevitável” e na outra lamenta “bulha” para decidir “quem fica com a caneta para assinar os cheques”.

Imagem de arquivo.

This entry was posted in Uncategorized and tagged , . Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s