O interesse nacional acima de tudo

Segundo notícia do PÚBLICO, «a antiga ministra Leonor Beleza lembrou que existem alturas em que há coisas muito mais importantes do que as diferenças, considerando que é preciso colocar o país e os portugueses acima de tudo o que divide
Nem devia ser preciso alguém lembrar desse princípio ético. Mas mesmo tendo a boa ideia de lembrar, Leonor Beleza foi menos correcta ao restringiu tal dever cívico a algumas alturas, pois, em qualquer decisão, o País deve estar acima de outros interesses particulares ou partidários.
É muito lamentável que os políticos, que querem o nosso voto, se esqueçam de que a norma atrás enunciada deve ser permanente e nunca pode ser desprezada.
O exercício do poder não pode e não deve ser realizado a pensar nos benefícios de partidos e de pessoas viciadas nas manhas da politiquice, tendo como principal objectivo a corrupção e o enriquecimento ilícito dos componentes de um bando pouco elogiável. O exercício do Poder não é uma regalia mas um dever, por vezes, um sacrifício em benefício dos cidadãos.
Imagem do Google
This entry was posted in Uncategorized and tagged , . Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s