Atraso no pagamento da água triplica a factura

Em 5 de Dezembro de 2009 publiquei aqui o post Cascais. Promessa não cumprida, com uma fotografia do cartaz afixado em que se anunciavam obras na antiga casa Henrique Sommer, com um dístico bem visível «início de obra em Outubro de 2009». O mês de Outubro tinha passado tal como o de Novembro, quando o post foi elaborado. A casa segundo o cartaz é destinada (será?) a «centro de história local arquivo histórico municipal».

Passados alguns dias depois da publicação do post. O dístico foi retirado do cartaz que ainda continua como se vê na foto, onde o local que fora ocupado pelo dístico está a cor mais escura.

Presume-se que este atraso não acarreta sanção para ninguém. Porém se um munícipe se atrasa no pagamento da água, mesmo que seja apenas por um dia, por ter estado ausente, ou por doença ou por falta de dinheiro, acaba por ficar sujeito a um processo por infracção fiscal e ter de a pagar em triplicado!!! Com uma diferença: o prazo do pagamento da água é imposto ao consumidor, mas o prazo das obras municipais foi prometido pela própria autarquia

Onde está a moralidade, a equidade na aplicação da lei que deve ser igual para todos. com casos destes, não podemos criticar o regime de Muammar Khadafi, nem do Ben-Ali nem do Mubarak.

This entry was posted in Uncategorized and tagged , . Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s